Sertão

Um leitor do Nordeste Brasileiro, André Feitosa, teve a gentileza de comentar uma das minhas entradas neste despretensioso blog, e ao mesmo tempo pede-me comentários ao termo “sertão”.

Pois, como em muitos outros casos semelhantes, devo confessar: não sei! Por isso ficaremos ambos gratos, o André e eu, se algum leitor amável e sabedor nos quiser esclarecer. Cá ficamos aguardando.

Geralmente, quando não sei uma coisa, sei geralmente onde encontrar resposta. Neste caso, não me valeu de muito. Sertão já aparece na literatura portuguesa no século XIV, portanto não foi termo criado depois da descoberta do Brasil.

Hoje, o sertão brasileiro, salvo erro, é uma terra de florestas. Na primitiva, era simplesmente o termo para designar terra do interior, mas sobretudo terra árida e seca.

Em relação a isso encontrei uma única explicação, que não me parece muito convincente, mas pelo sim, pelo não, aqui fica: No princípio, diziam “é uma terra de desertão”, ou seja um grande deserto, ou muito deserta. A repetição da sílaba “de” fez com que uma caísse e ficasse “terra de sertão”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s





%d bloggers like this: